top of page

Bronquiectasia

Bronquiectasia refere-se à dilatação irreversível dos brônquios em decorrência da destruição dos componentes elásticos e musculares de sua parede. Atinge 1 em cada 1000 habitantes.

Os sinais e sintomas podem incluir[2]:

  • Tosse persistente com muito catarro;

  • Dificuldade de respirar, piora com exercício;

  • Dor no peito;

  • Sibilâncias;

  • Mau hálito;

  • Extremidades azuladas (por falta de O2);

  • Fadiga;

  • Deformação dos dedos e unhas.

Complicações:

  • Catarro com sangue;

  • Insuficiência respiratória;

  • Colapso pulmonar (Atelectasia);

  • Cor pulmonale.

Além do diagnóstico clínico, é feito também o radiológico principalmente tomografias.

O objetivo do tratamento é melhorar os sintomas e reduzir a progressão da doença. Infecções são tratadas com antibióticos adequados, dependendo da bactéria ou fungo encontrado. Broncodilatadores são muito úteis para melhorar a respiração. Expectorantes ajudam a limpar o catarro. Fisioterapia respiratória pode ser feita para potencializar a higienização da árvore brônquica e evitar infecções recorrentes. Corticosteroides inalados também resolvem inflamações dos brônquios. Oxigenioterapia resolve a falta de ar temporariamente até que outros medicamentos tenham efeito. Pode ser necessário uma cirurgia se ocorrer muito sangramento ou colapso dos pulmões

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page